LG G6 chega ao Brasil por R$ 3.999

Neste ano, a LG decidiu voltar ao básico: deixou as ousadias de lado e apostou num celular com design prático – o que não quer dizer que ele não é bonito. Anunciado em fevereiro, durante a MWC, o LG G6 inaugurou a onda das telas gigantes em corpos compactos. Agora, ele chega ao Brasil. Ele foi anunciado ontem (25), em São Paulo, com um preço não tão básico assim: R$ 3.999.

O “slot mágico” que permitia encaixar acessórios modulares foi embora e deu lugar a uma tela que ocupa quase todo o espaço frontal do aparelho: ela tem proporção 18:9 e resolução pouco habitual de 2880 x 1440 pixels num display OLED com suporte à tecnologia HDR e Dolby Vision. Essa é a grande característica do novo celular da LG e fora essa alteração, tudo o que a companhia fez foi manter o que estava dando certo e reiniciar aquilo que tinha dado errado.

As câmeras, por exemplo, foram destaques positivos das gerações anteriores e parecem manter a qualidade. No novo modelo são dois sensores traseiros de 13 megapixels: um com ângulo menor (71º) e abertura f/1.8 que permite entrada de bastante luz e outro com ângulo aberto (125º) e abertura f/2.4 – essa combinação garante um zoom óptico de 2x. Na frente há um sensor de 5 megapixels também com ângulo aberto (100º).

O app da câmera continua simples, com alguns modos que aproveitam os dois sensores simultaneamente, além de opções de colagens de imagens embutidas. Além disso, ele continua a oferecer alguns modos avançados para entusiastas de fotografia, permitindo controlar ISO, velocidade de obturador, temperatura de cor, entre outros parâmetros.

No restante das especificações, não existem surpresas, mas também não há decepções. O LG G6 tem o processador Snapdragon 821 da Qualcomm (que está atrás do Snapdragon 835, presente no Galaxy S8 dos EUA), 4GB de RAM, 32GB de armazenamento, um slot para cartão microSD, bateria não-removível de 3200 mAh, classificação IP68 de resistência à água e poeira e um leitor de impressões digitais no botão liga/desliga, que fica na traseira.

Ele também é o primeiro smartphone no Brasil a vir de fábrica com o Google Assistant, que é capaz de realizar algumas tarefas em português. Essa é uma evidência da aposta pelo básico que parece bem acertada – a Samsung, por exemplo, desenvolveu assistente Bixby e ainda enfrenta barreiras para disponibilizar a ferramenta em inglês e coreano, com uma previsão distante para outros idiomas. A LG opta por uma ferramenta pronta, que embora não seja tão sofisticada, funciona para o mercado nacional.

O LG G6 começa a ser vendido amanhã (26) e estará disponível nas cores prata e preta. Ele custa R$ 3.999.

COMENTÁRIOS

O seu endereço de e-mail não será publicado.