Moto Z e Z Play: Lançamento, Especificações Técnicas, Preços, Vídeos, Fotos

motoz

Em um evento realizado nesta quarta-feira (14) em São Paulo, Motorola anunciou oficialmente a data e o preço de lançamento de seus smartphones modulares: Moto Z e Moto Z Play.

Os aparelhos chegam às lojas brasileiras ao mesmo tempo que quatro dos chamados Moto Snaps, acessórios que se integram perfeitamente à traseira do celular e ampliam suas capacidades ou adicionam funções novas — e um quinto módulo deve chegar no começo de outubro.

O principal deles é o Moto Z, que traz mais RAM e mais poder de processamento, além de uma tela com maior resolução. Já o Moto Z Play conta com bateria de alto nível para oferecer muito mais autonomia aos consumidores — em uma divisão que lembra muito os Moto X Style e X Play.

Moto Z: o grande ultrafino

Quando não está ligado a um dos módulos, o smartphone apresenta uma espessura de apenas 5,2 mm e um corpo resistente, feito de aço e de alumínio do mesmo tipo usado em aviões militares. O display AMOLED de 5,5 polegadas tem resolução QHD (2560×1440 pixels) e o aparelho conta com um processador Snapdragon 820, 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno expansível em até 2 TB por cartões micro SD.

A câmera traseira tem 13 MP com autofoco a laser e dispõe de um sistema de estabilização óptica para diminuir o efeito de movimentos durante fotos e filmagens. A frontal, de 5 MP, tem lente com ângulo de 75° e flash LED. O Moto Z vem ainda com leitor de digitais, resistência a respingos de água, porta USB Type-C e recarga rápida com o carregador TurboPower. Além de acabamento premium, a parte traseira do aparelho conta com os conectores para os Snaps.

Moto Z Play: autonomia em primeiro lugar

A Motorola promete que o Moto Z Play é o “produto com a melhor durabilidade de bateria” que já fizeram, capaz de aguentar até 45 horas. Além disso, o smartphone traz carregamento TurboPower e isso pode deixar tudo ainda mais interessante.

Como se fosse uma coisa só

Os Moto Snaps foram feitos para se encaixarem com perfeição e firmeza à traseira do smartphone, passando a sensação de que fazem parte do aparelho e não atrapalhando a pegada dos usuários. Isso é possível graças à utilização de quatro ímãs e um conjunto de conectores banhados a ouro, prendendo com segurança os diferentes módulos.

No total, o Moto Z chega ao Brasil junto a quatro Snaps. Os mais simples deles são os Moto Style Shells, placas com diferentes acabamentos pensada para que você possa personalizar a traseira do smartphone. Inicialmente, as opções que vão chegar ao Brasil são duas variantes de madeira, uma de couro e outra de tecido.

Outro acessório que chega por aqui é a Incipio Power Pack, um powerbank que se prende sem fios à traseira do Moto Z, adicionando 2.220 mAh de energia extra aos 2.600 mAh já presentes na bateria do celular. A fonte extra de força pode ser configurada tanto para ser consumida primeiro do que as reservas do smartphone quanto para simplesmente manter o aparelho constantemente com 80% de carga.

O Insta-Share Projector é um projetor com resolução de 480p capaz de “criar uma tela” de até 70 polegadas em uma superfície plana a alguns metros de distância. Com uma bateria independente de 1 hora de duração, conector para o carregador TurboPower e um suporte para ajustar o ângulo, o acessório pode ser usado praticamente em qualquer lugar.

O quarto Snap que a Motorola traz para o Brasil é o JBL SoundBoost, uma caixa de som poderosa que aumenta o poder sonoro do Moto Z ao ser encaixada na traseira do aparelho. O acessório tem uma bateria própria capaz de durar até dez horas e um suporte de apoio, além de funcionar sem necessidade de pareamento por Bluetooth ou conexão de cabos.

Além dos quatro Snaps disponíveis no lançamento dos smartphones, a Motorola aproveitou o evento para divulgar um quinto módulo, o Hasselblad True Zoom. Previsto para chegar por aqui no começo de outubro, o acessório aumenta as capacidades da câmera do celular, oferecendo zoom ótico de dez vezes, flash de xenônio, capacidade de fotografar no formato RAW e controles físicos de obturador e zoom. Por fim, o snap vem acompanhado pelo software Phocus, que facilita a edição de fotos.

E a minha carteira?

O preço sugerido pela Motorola para o Moto Z é de R$ 3.199 (kit com Style Shell, OFFGrid Power Pack e bumper transparente) e para o Moto Z Play é de R$ 2.199 (com Style Shell) — como revelamos anteriormente. Os dois aparelhos chegam às lojas a partir de hoje,  dia 14 de setembro.

Vale dizer que o Moto Z chega com os kits acompanhados de snaps já hoje. O pacote mais básico do Moto Z — chamado Power Edition — inclui o celular, uma Style Shell e o Snap de bateria extra. Os demais conjuntos do top de linha trazem o mesmo conteúdo, mas adicionam a caixa de som, projetor  ou câmera. Os pacotes do Moto Z Play, por sua vez, incluem apenas o celular, uma Style Shell e o módulo adicional específico.  Abaixo você confere os preços dos kits que serão disponibilizados.

  • Moto Z Power Edition: R$ 3.199
  • Moto Z Power and Sound: R$ 3.499
  • Moto Z Power and Projector: R$ 3.999
  • Moto Z Power and Hasselblad: R$ 3.999 (disponível em outubro)
  • Moto Z Play Power Edition: R$ 2.399
  • Moto Z Play Sound Edition: R$ 2.499
  • Moto Z Play Projector Edition: R$ 2.999
  • Moto Z Play Hasselblad Edition: R$ 2.999 (disponível em outubro)

Os quatro Moto Snaps iniciais também serão lançados na mesma data de maneira avulsa, com os preços que você confere a seguir:

  • Moto Style Shells: R$ 99
  • Incipio Power Pack: R$ 399
  • Insta-Share Projector: R$ 1.499
  • JBL SoundBoost: R$ 699
  • Hasselblad TrueZoom: R$ 1.499 (disponível em outubro)

E aí, o que você achou do preço do Moto Z e dos Snaps? Acha que as vantagens oferecidas compensam o investimento? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

COMENTÁRIOS

O seu endereço de e-mail não será publicado.